cama elástica jump

Todo mundo sabe que pular deixa você muito magro, e é por isso que o mini trampolim fica aqui. O sucesso é tão grande que as pessoas passam a ter suas próprias camas elásticas jump em casa porque normalmente não dá tempo de ir à academia, certo?

Se este for o seu caso, saiba que além de saltar para emagrecer com o jump, também pode trazer muitos benefícios para o corpo e a mente. Pode fortalecer os músculos, especialmente as coxas, o glúten e o abdômen.

Pode melhorar o equilíbrio, a coordenação e a resistência, além de melhorar a concentração.

Mas para melhores resultados, consulte algumas dicas que podem ajudá-lo a escolher o mini trampolim ideal para exercícios de salto:

Como escolher a cama elástica jump ideal:

Mola ou elástico:

Se você planeja usar o mini trampolim com frequência, escolha uma mola. Possuem maior resistência e maior flexibilidade, garantindo assim melhor qualidade de execução e efeito de exercício. Quanto ao número de molas, é simples: quanto mais molas, melhor!

Verifique o tamanho

Quanto maior a área, mais confortável e seguro você pode praticar. Portanto, se você está começando, preste atenção às medidas para obter uma experiência mais agradável e sentir-se seguro durante a prática.

Para quem gosta de exercícios mais pesados ​​e de alta velocidade que exigem mais espaço para pular, um mini trampolim maior também é recomendado.

Dispositivos muito leves têm baixa estabilidade, então eles dificultam os movimentos e produzem um pouco de ruído. Aliás, nunca se esqueça de consultar a tabela técnica do peso máximo que o aparelho pode suportar.

Muitos modelos de mini trampolim têm capas protetoras nas molas, para que não fiquem expostas e você não corra o risco de pisar nelas. Isso aumenta a sensação de segurança e evita acidentes menores para aqueles que não estão acostumados.

Alguns modelos de mini trampolim podem ser dobrados para facilitar o transporte e armazenamento. É muito adequado para quem não tem muito espaço em casa ou para quem tem tendência para fazer exercício em locais diferentes.

O que você deve levar em consideração para comprar uma cama elástica Jump:

Popular em academias de todo o mundo, você pode praticar o salto em casa, basta comprar um equipamento:

Em seguida, comece a se exercitar e aproveite os benefícios do exercício. Mas para escolher o modelo de salto ideal, as seguintes características devem ser analisadas:

  • Garantia do produto;
  • Formato;
  • Tamanho;
  • Verifique o peso;
  • Pés;
  • Capa de proteção da mesma;
  • Reforço da mesma.

Quando estiver pesquisando o produto que deseja comprar, preste atenção às especificações do fabricante quanto ao tamanho do dispositivo. Segundo especialistas, o diâmetro ideal está acima de 90 cm.

Quanto maior o diâmetro, melhor, porque você se sentirá mais estável ao realizar diferentes ações e estará mais confortável e seguro durante a prática.

Existem duas maneiras de medir o diâmetro do dispositivo: o diâmetro total, que é a largura do salto, e a área utilizável, que é a área da tela que você vai pular.

A altura do aparelho segue o padrão, cerca de 20 cm. A altura mínima é para evitar acidentes graves causados ​​pelo escorregamento do equipamento.

Se você pretende praticar o salto em seu próprio apartamento, procure modelos com pés de borracha e sistemas antiderrapantes, pois além de tornarem o contato com o chão mais seguro, reduzem o ruído durante o exercício, para não incomodar os vizinhos.

Você também pode encontrar modelos com pés soldados ou aparafusados.

Cuidado com os modelos com os pés apertados, pois alguns consumidores relatam que peças podem se soltar durante o uso do aparelho. Alguns modelos possuem pés destacáveis, muito adequados para pessoas que precisam transportar equipamentos.

Ah, na hora de comprar um salto, procure um modelo com pelo menos um metro e meio para garantir que seu treino fique totalmente.

Lanna Figueredo

Minha missão é compartilhar informações que vão contribuir para a melhor a qualidade de vida das pessoas.

Você também pode gostar de ;)
Latest Posts from Lanna Figueredo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *